Quem matou Brenda Feitosa? Delegado pede mais 30 dias para apurar - Colatina News

Recentes

24/06/2019

Quem matou Brenda Feitosa? Delegado pede mais 30 dias para apurar

Brenda tinha apenas 14 anos (Foto divulgação)

O delegado Deverly Pereira Júnior, deverá pedir mais 30 dias para concluir as investigações sobre a morte de Brenda Marques Feitosa, 14 anos, cujo corpo foi enterrado em uma propriedade particular, a poucos metros de onde ela morava no Bairro Vicente Soela II, em Colatina/ES.

O corpo da adolescente foi encontrado por um vaqueiro no dia 20 de maio último, dois dias depois de sua família registrar seu desaparecimento na Delegacia de Polícia. Segundo a perícia, Brenda estava muito machucada, mas sua morte foi provocada por um corte na garganta.


A polícia não sabe se a menor sofreu violência sexual, pois o exame pericial foi prejudicado pelo avançado estado de decomposição do corpo. Até o momento o autor (ou autores) do crime não foi identificado e a polícia reforça a hipótese de que ela tenha sido morta por pessoas próximas a ela.

Dez pessoas, entre parentes e vizinhos da vítima, foram ouvidas e o delegado espera o resultado do exame realizado em uma faca e uma enxada encontradas na casa onde Brenda morava. “Se houver vestígios de sangue pedirei DNA da vitima para comparar”, disse o delegado.

Um dia depois do crime duas pessoas foram linchadas por moradores: um é o cunhado da adolescente e o outro Rangel de Souza, 30 anos, que foi morto a pauladas. O cunhado, depois de ouvido, mudou da cidade e está à disposição da polícia, que já identificou cinco envolvidos no linchamento.

Os dois crimes, tanto o que tirou a vida da adolescente de forma brutal, quanto o linchamento que culminou com a morte de uma pessoa, chocaram a cidade pelo descontrole das pessoas que, sem ter nenhuma certeza, agrediram selvagemente duas pessoas, provocando a morte de uma.







5 comentários:

  1. Marcela Silverol Duddé25 de junho de 2019 07:57

    Se ela fosse filha de alguma família rica a polícia já teria prendido quem fez isso. Mas é pobre... duvido que façam alguma coisa pra apurar esse crime bárbaro

    ResponderExcluir
  2. Márcia Biet do Honório Fraga25 de junho de 2019 08:41

    Eu sou mãe e imagino o que a mãe dessa garota deve esta sentindo coitada. Já passou da hora da políça parar de fazer corpo mole e pegar quem fez isso

    ResponderExcluir
  3. Essa polícia colatinense não apura nem o óbvio, quem dirá um crime desses. Vai ser mais pras estatísticas!

    ResponderExcluir
  4. Valteir Fagundes Nascimento29 de junho de 2019 14:22

    Pobre garota. Tão jovem ter um destino tão cruel. Imagina o sofrimento da família, que se torna mais horrível com a incapacidade dessa polícia inoperante!

    ResponderExcluir
  5. Melquizedec Moreira5 de julho de 2019 12:20

    Vas ser mais um crime sem solução a polícia não tá nem aí quando a vítima é pobre. Se fosse filha de algum empresário, político ou de profissionais liberais como médico e advogado a polícia tinha virado mundos e fundos e o maldito já estaria preso. Mas pobre ninguém se importa

    ResponderExcluir

Receba nossas noticias!