Vila Valério inicia o ano como a cidade mais violenta do Noroeste do Estado - Colatina News

Recentes

21/01/2020

Vila Valério inicia o ano como a cidade mais violenta do Noroeste do Estado

O Destacamento local é insuficiente para atender a demanda

O Município de Vila Valério, no Noroeste do Espírito Santo, tem se destacado como um dos mais violentos da região, com um crescimento progressivo de casos de assassinatos. Só neste início de ano já foram registrados dois homicídios, o que requer uma providência urgente por parte das autoridades.

O primeiro crime deste ano aconteceu no dia primeiro de janeiro, na Fazenda Bom Jardim, na zona rural do Município, tendo como vítima Alaelson Conceição dos Santos, 30 anos, que estava em casa, quando por volta das 20h30m teve sua casa invadida e depois de rendido foi executado com um tiro.

Ele foi morto por três indivíduos fortemente armados que surgiram do meio da lavoura de café na escuridão da noite se apresentando como policiais civis e ordenaram que todos se deitassem no chão. Em seguida um deles se aproximou e Alaelson e o matou com um tiro no pescoço. A vítima era usuária de drogas.

Outro homicídio

O segundo homicídio do ano na cidade foi praticado na madrugada do dia 12, quando um homem, mais tarde identificado como Sérgio Hortelã, 44 anos, foi perseguido e assassinado com cinco tiros. O crime foi consumado dentro de um bar no Bairro Vila Nova. A polícia foi acionada e isolou o local do crime.

Sérgio Hortelã foi perseguido e executado dentro de um bar
Segundo informações, Sérgio estava fugindo dos criminosos e entrou no bar que havia acabado de ser aberto por seu proprietário, que estava chegando de um forró e foi ao estabelecimento pegar um ventilador. Ele conta que a vítima entrou correndo pedindo socorro e em seguida ouviu disparos de arma de fogo.

O dono do bar evadiu-se do local ao ouvir o primeiro tiro e não viu os rostos dos criminosos. Sérgio, segundo a polícia, era acusado de ter participação na morte de Alex Soares da Silva, o Dudu Cigano, 21 anos, ocorrida em 08 de novembro de 2018, cujo corpo foi encontrado na estrada que liga Pinheiros a Montanha.

Violência contínua

No final do ano passado, em novembro, Graciele Santos foi morta com vários tiros disparados pelo ex-namorado, que não se conformava com o novo relacionamento da mulher. Todos os disparos atingiram a cabeça da vítima, que teve morte instantânea. O criminoso fugiu e está sendo procurado.

Graciele foi vítima de crime passional
O crime aconteceu na localidade conhecida como Arariboia, na zona rural do Município e chocou os moradores da comunidade. A incidência de crimes violentos em Vila Valério virou uma rotina e, segundo moradores, o contingente de policiais na cidade não é suficiente para atender à demanda.

Um morador disse ao Colatina News que apesar pequena, em Vila Valério por qualquer coisa se mata alguém. “Acredito que isso se deve à omissão da polícia, que se envolve muito em questões políticas e não dá a devida atenção ao seu trabalho”, disse o morador que não quis ser identificado.

“Nunca vi uma cidade desse porte onde se matasse tanto. Proporcionalmente, Vila Valério é mais violenta que Linhares, considerada a cidade mais violenta do Espírito Santo. Está na hora de se fazer um trabalho mais sério. Do jeito que está não pode continuar”, finaliza o morador.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!