Opinião. Diferença entre um administrador e um ator de filme classe B - Colatina News

Recentes

31/03/2020

Opinião. Diferença entre um administrador e um ator de filme classe B

Enquanto Guerino Zanon administra...

Dois prefeitos, um da Região Norte e outro da Região Noroeste do Espírito Santo, se destacam em seus municípios. Um pelas obras que realizou durante sua administração, e outro pelo teatro que insiste em protagonizar, com divulgação de vídeos e fotos de autopromoção pelas redes sociais.

Tratam-se de Guerino Zanon, de Linhares; e Sérgio Meneguelli, de Colatina. Ambos devem ser candidatos à reeleição. Guerino leva vantagem sobre Sérgio Meneguelli, pois realizou algumas obras em seu Município e conseguiu levar empresas para a cidade, o que possibilitou a geração de empregos e impostos.

Já o prefeito colatinense, além de pintar praças, capinar jardins, desenhar amarelinhas, gravar vídeos e fotos para divulgar nas redes sociais, nada fez nos mais de três anos de mandato. A única obra que iniciou, a de contenção das encostas nos bairros Nossa Senhora Aparecida e São Braz, nem saiu do papel.

No local foram feitas apenas limpeza da área, medições e cobertura com lonas pretas, o que proporcionou uma visão horrível no cenário colatinense. Mesmo não tendo nem iniciado a obra, o prefeito já consumiu cerca de R$ 500 mil só em pagamento de aditivos às empresas contratadas para a realização da obra.

Irregularidades na obra

...Sérgio Meneguelli deixa a administração abandonada...
Repleta de irregularidades, a citada obra despertou a atenção do Ministério Público pelo fato de as duas empresas que venceram o certame licitatório tinham o mesmo representante. Em vista disso, o prefeito foi orientado a cancelar a licitação e uma ação civil foi ajuizada para que as irregularidades sejam sanadas.

Enquanto em Linhares Guerino Zanon enfrenta acusações de contratações de sonorizações a preços absurdos, distribuição de kits merenda com preços superiores aos praticados nos supermercados locais e obras sem o valor nas placa; em Colatina moradores reclamam da total inércia da administração.

Pesa contra o prefeito Sérgio Meneguelli a acusação de não investir em setores importantes como saúde, educação e infraestrutura, deixar os bairros totalmente abandonados e o interior do Município no mais completo abandono. Segundo denúncias, nem materiais de limpeza são destinados aos setores públicos.

Por outro lado, no quesito enganação do povo Sérgio Meneguelli leva vantagem absoluta. Seus vídeos e fotos fakes divulgados pelas redes sociais o tornaram famoso no país inteiro, por saber explorar a alta de inteligência de pessoas que acreditam em qualquer coisa sem analisar e nem pesquisar sua veracidade.

Quem administra?

...e nem a única obra que iniciou conseguiu terminar
Recentemente um cidadão comentou que uma simples pergunta seria suficiente para derrubar a propaganda de autopromoção do prefeito. “Esse pessoal que acredita nele deveria perguntar: “Quem cuida da administração enquanto ele fica nos jardins, praças e ruas fazendo trabalhos de jardineiros e garis?”

As reclamações dos moradores de praticamente todos os bairros colatinenses se multiplicam e a acusação é de que Sérgio Meneguelli dá mais atenção ao centro da cidade, apesar de não existir também no centro nenhuma obra feita pela atual administração. Colatina, segundo os reclamantes, parou no tempo.

Guerino Zanon não enfrenta esse tipo de reclamação em sua administração, mas pesa contra ele a falta de investimento no HGL (Hospital Geral de Linhares) e várias reclamações de que não respeita o meio ambiente, além de, segundo denúncias, mentir que a cidade possui 100% de tratamento de esgotos.

Enquanto Guerino Zanon se preocupa com a realização de obras benéficas à população, como geração de empregos etc, Sérgio Meneguelli tenta gastar dinheiro público com obras inúteis como construção de fontes luminosas, obra que também foi alvo do Tribunal de Contas do Estado e do Ministério Público.

Suspensão da obra

Obra inútil suspensa pelo Tribunal de Contas
A intenção de Sérgio Meneguelli era construir quatro fontes luminosas, três na Avenida Moacir Dalla e uma no centro ao custo de quase R$ 2 milhões para os cofres públicos. A obra não foi adiante, porque o Tribunal de Contas suspendeu a obra em virtude de sua inutilidade, servindo apenas de promoção pessoal.

Enquanto Guerino conta com a simpatia da maioria dos linharenses, o que lhe garantiu uma vitória com mais de 70% dos votos contra s eu adversário, Sérgio Meneguelli não está com a bola toda na cidade que administra, fato que parece não incomodá-lo, pois é praticamente idolatrado por pessoas de outras cidades.

A maioria pessoas que nunca pisaram em Colatina, não sabem em que região está localizada a cidade e nem conhecem os problemas crônicos enfrentados pela população. Pessoas que se atualizam por vídeos e fotos criados pra enganar os incautos e divulgados pela equipe de marketing do prefeito.

Enquanto Guerino Zanon prova ser administrador competente, Sérgio Meneguelli se destaca como um ator convincente, cercado por uma excelente equipe de marketing, expert na utilização das redes sociais para enganar desavisados, o que o torna um ator digno de ganhar o Oscar do Populismo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!