Enfermeira com Coronavírus é acusada de frequentar churrascaria em Pancas - Colatina News

Recentes

10/05/2020

Enfermeira com Coronavírus é acusada de frequentar churrascaria em Pancas



Uma enfermeira com resultado positivo para o Coronavírus, cujo nome não será divulgado por enquanto, está sendo acusada de mesmo estando contaminada pelo vírus, ter frequentado uma churrascaria em Pancas, no Noroeste do Espírito Santo, colocando em risco a vida das pessoas presentes.

Segundo denúncia, a enfermeira estava com suspeita de contaminação e aguardava o resultado do exame que acabou positivando. Mesmo sem o resultado do exame, segundo o denunciante, ela foi a uma churrascaria lotada, sem se importar que poderia contaminar os clientes do estabelecimento.

“Não era para ela ter ido à churrascaria, porque trabalha na área de saúde e sabe perfeitamente que nem poderia sair de casa, e mesmo assim compareceu a um ambiente repleto de pessoas. Claro está que ela colocou em risco a vida das pessoas e deveria ser punida criminalmente por isso”, disse o denunciante.


Ele acrescenta que o prefeito Sidiclei Giles de Andrade mesmo ciente da irresponsabilidade, nada fez para punir a enfermeira, que, segundo ele, é sua aliada política. “O prefeito deixa a desejar na prevenção dessa doença. Faltam ações por parte de sua administração e os casos só aumentando”, ressaltou.

“Depois que ela esteve na churrascaria os casos positivos de Coronavírus na cidade só aumentaram. O crime praticado por ela é grave e precisa ser penalizada. Como enfermeira não pode negar desconhecimento. Assim, deveria ser enquadrada no Artigo 132 do Código Penal Brasileiro”, salienta.

Várias pessoas da cidade demonstram descontentamento com a omissão por parte do prefeito Sidiclei diante da situação perigosa que vive o Município de Pancas, com as contaminações de Coronavírus aumentando gradativamente. “Esse prefeito não está em seu juízo normal”, disse Juvenal Nunes da Costa.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!