Vizinhos dizem que omissão da Polícia Civil provocou a morte de duas crianças - Colatina News

Recentes

11/09/2020

Vizinhos dizem que omissão da Polícia Civil provocou a morte de duas crianças

A casa foi reduzida a cinzas

A ineficácia da Lei Maria da Penha em decorrência da omissão da Polícia Civil em atender em tempo ágil os casos denunciados pelas vítimas provocou a morte de duas crianças em um incêndio na madrugada de terça-feira, 08, em Rio Branco do Sul, na Região Metropolitana de Curitiba, no Paraná.

O incêndio na residência foi provocado por Lucas Galdino. Ele brigou com a companheira Rosenilda Rodrigues, ateou fogo na residência, provocou a morte de duas crianças de dois e seis anos, uma delas sua filha, e queimaduras graves na mulher, que foi encaminhada ao Hospital Evangélico de Curitiba.

Vizinhos disseram que por volta das 23h o casal teve uma briga e a mulher foi á delegacia para registrar queixa contra Lucas por violência doméstica, mas os policiais não tomaram nenhuma providência contra o acusado, que na madrugada voltou ao local e incendiou a casa matando as duas crianças.

A casa, que era de madeira e ficava localizada na Vila Madre, em um terreno íngreme, foi rapidamente consumida pelas chamas. Os bombeiros tiveram dificuldades de acessar o local por se tratar de uma invasão com ruas irregulares. Os corpos das crianças foram encaminhados ao IML de Curitiba.

O pai de Rosenilda disse que o casal vivia brigando, tinha problemas com drogas, mas sempre se acertava. Vizinhos inconformados com a morte das crianças, dizem que a culpa é da Polícia Civil, que não tomou as providências quando foi procurada pela vítima e poderia ter evitado a morte das crianças.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!