Tentação do Diabo. Polícia afirma que pastor matou o outro para ficar com a mulher dele - Colatina News

Recentes

google.com, pub-2151647549971277, DIRECT, f08c47fec0942fa0

23/09/2022

Tentação do Diabo. Polícia afirma que pastor matou o outro para ficar com a mulher dele

Pastor Leandro matou o pastor Carlos

Leandro dos Santos Rosário. Esse é o nome do pastor de 42 anos que assassinou o também pastor e dono de uma funerária Carlos Alberto Dias, 55 anos, em Marechal Floriano, na Região Serrana do Espírito Santo, no dia 29 de julho passado. De acordo com a polícia, a motivação para o crime foi passional.

 

As investigações policiais apuraram que o pastor e motorista de aplicativo Leandro dos Santos mora com a ex-mulher de Carlos Alberto, de nome não divulgado, e vivia atormentado com o medo de a companheira voltar para o pastor empresário. Em decorrência disso o “cidadão de bem” decidiu matar o rival.

 

O delegado Luciano Paulino disse que Leandro tem perfil dominador, muito ciumento e por algum motivo acreditava que a mulher, mesmo em processo de divórcio com Carlos, poderia voltar para o marido. Para matar Carlos Alberto o pastor contou com ajuda de um rapaz de 27 anos, que também foi preso com ele.

 

O pastor assassino é grampeado pela polícia

O delegado relata que o rapaz é do Acre e veio tentar a vida no Espírito Santo. Sem família e amigos, acabou virando amigo do pastor assassino, que aproveitou para convencê-lo a ajuda-lo a matar o rival, sob a promessa de ajuda-lo na rotina de motorista de aplicativo. O rapaz aceitou e o crime foi praticado.

 

Leandro, que responde a dois processos por estupro contra uma ex-companheira e por tramar um assalto na casa do sogro, chegou a ir ao velório e a participar do enterro de Carlos Alberto, além de consolar os familiares de Carlos. A ex-mulher da vítima, segundo o delegado, não participou da trama.

 

Ao finalizar o delegado salienta que os dois fizeram uma ligação para a vítima pedindo ajuda para um velório e enviaram a localização. “Carlos Alberto arrumou e foi atendê-los. Chegando ao local os dois fizeram a abordagem e executaram a vítima, utilizando braçadeiras de nylon”, arremata o delegado Luciano Paulino.

 


Ajude-nos se inscrevendo no nosso canal no Youtube!

Siga-nos no Instagram: @colatinanews, no Facebook: @sitecolatinanews!

 

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário