Polícia declara como suspeita a morte de homem que tinha um cisto na bochecha - Colatina News

Recentes

google.com, pub-2151647549971277, DIRECT, f08c47fec0942fa0

04/12/2022

Polícia declara como suspeita a morte de homem que tinha um cisto na bochecha

Osvaldo tinha um cisto gigante no rosto

Foi encontrado morto dentro de casa em Praia Grande, no Litoral de São Paulo, o pedreiro Osvaldo Paulo de Lima, 56 anos. Ele tinha um cisto gigante no rosto há mais de 20 anos e tinha esperança de um dia conseguir operar a deformação facial e voltar a ter autoestima. A causa da morte ainda está sendo investigada.

 

A polícia foi acionada para atender a ocorrência na manhã de quarta-feira, 23, e no local os vizinhos informaram que Osvaldo não saia de casa desde a sexta-feira, 18, o que causou preocupação nos moradores. Além disso, havia um odor fétido e a existência de moscas no loca, razão pela qual acionaram os policiais.

 

Com o apoio da equipe do Corpo de Bombeiros os policiais entraram na casa juntamente com um familiar e encontraram o corpo de Osvaldo em avançado estado de decomposição. Após os exames do IC (Instituto de Criminalística) e IML (Instituto Médico Legal), a ocorrência foi registrada como morte suspeita.

 


Osvaldo havia afirmado em uma entrevista que o cisto começou de forma discreta em seu rosto, mas cresceu rapidamente e passou a atrapalha-lo até na hora de deitar de lado, além de reclamar da curiosidade das pessoas que ficavam o olhando quando ele chegava a algum lugar com muito movimento.

 

O caso está sendo investigado pelo 3º Distrito Policial de Praia Grande, mas não foi informado pela polícia o motivo pelo qual o caso está sendo tratado como morte suspeita. Parentes e amigos lamentaram a morte de Osvaldo e disseram que ele era uma pessoa tranquila, amiga de todos e sempre disposta a ajudar.

 




Ajude-nos se inscrevendo no nosso canal no Youtube!

Siga-nos no Instagram: @colatinanews, no Facebook: @sitecolatinanews!

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário