Prefeito surpreende moradores de bairro ao proibir velórios no Parquinho Isabella - Colatina News

Recentes

02/10/2019

Prefeito surpreende moradores de bairro ao proibir velórios no Parquinho Isabella

Moradores se reúnem para discutirem...

Os membros da Associação de Moradores do Bairro Maria das Graças, em Colatina, no Noroeste do Espírito Santo, se reuniram na terça-feira, 01, para discutirem a proibição de velar corpos no Parquinho Isabella, único local no bairro onde os familiares podiam dar o último adeus aos seus entes queridos.

Para proibir o uso do local para velórios, o prefeito Sérgio Meneguelli se valeu do Decreto nº 7665/95, que regulamenta a realização de velórios. A decisão do prefeito de se valer de tal decreto nunca utilizado antes, pegou de surpresa os moradores, já que não foi destinado por ele outro local para o ato.

Os moradores foram comunicados da decisão do prefeito municipal Sérgio Meneguelli por meio da Vigilância Sanitária, que na oportunidade alertou para a aplicação de multas a quem desobedecer. A impossibilidade de velar os corpos de seus entes queridos no local revoltou os moradores do bairro.

...proibição de se realizar velórios no Parquinho Isabella
Um dos participantes da reunião divulgou um áudio nas redes sociais informando que os moradores lutarão pelo direito de ter um lugar para velar os corpos, pois muitas pessoas têm residências pequenas, sem espaço suficiente para o ato cristão; e nas igrejas os velórios são permitidos apenas dos membros.

Os moradores querem o apoio dos vereadores Jorge Guimarães e Juarez Pardini, representantes do Bairro, na luta por uma Capela Mortuária capaz de satisfazer as necessidades da comunidade. “Vamos ver qual vai ser o posicionamento deles em relação a essa reivindicação”, disse o morador.


Sem atenção do prefeito, a exemplo dos demais bairros de Colatina, o Maria das Graças, de acordo com moradores, não tem nada. “Aqui falta de tudo, desde praça, a obras e área de lazer. Estamos abandonados e agora querem nos tirar o pouco que temos”, diz a moradora Mariana Alves Delnevere.

O tesoureiro da associação, Elson Gomes, o Moreia, disse que o local foi doado à comunidade pelo Sr. Dalmo, da Itajuby, e tem servido a todos, seja pobre ou rico. “Infelizmente de uma hora para outra o prefeito passou a exigir alvará, proibiu a realização de velórios no local, dentre outras exigências”, disse ele.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!