Incêndio em secador de café destrói caçamba e lenha no interior de Vila Valério - Colatina News

Recentes

07/04/2020

Incêndio em secador de café destrói caçamba e lenha no interior de Vila Valério

O caminhão caçamba foi consumido pelas chamas

Um incêndio de origem ainda desconhecida iniciado em um secador de café destruiu um caminhão e grande quantidade de lenha na propriedade da família Kempin, no Córrego Flor de Maio, em Vila Valério/ES. O incêndio, que teve início por volta das 23h, só foi controlado ao amanhecer, por volta das 06h da manhã.

As primeiras notícias foram de que além da lenha e da caçamba 1513, cerca de 100 sacas de café também tinham sido destruídas pelo incêndio, informação desmentida pela filha do dono da propriedade, Kelly Eliza Kempin. Segundo ela, todo café vai para uma cooperativa da região ou vendido a compradores de café.

Para tentar conter o incêndio a primeira iniciativa foi o uso de uma bomba de irrigação, até que o caminhão cedido pela prefeitura de Vila Valério chegasse. Mais tarde homens do Corpo de Bombeiros também estiveram no local. Pessoas da comunidade ajudaram no combate ao incêndio. Ninguém se feriu.

Kelly divulgou vídeos tentando desmerecer trabalho da imprensa
Não há registro da presença da Polícia Militar no local, mas os bombeiros que lá estiveram deverão fazer a perícia para apurar a origem do incêndio, se foi ou não incêndio criminoso. A filha do dono do secador incendiado gravou vídeos tentando desmerecer as primeiras informações divulgadas pela imprensa.

Um profissional da área ouvido pelo Colatina News comentou que no local deveria ter um extintor de incêndios e equipamentos para evitar a propagação do fogo. “Essas providências são o mínimo exigido para evitar esse tipo de tragédia. Por sorte não havia ninguém no local, senão seria pior”, disse ele.

Vale destacar que as primeiras informações eram de que além do veículo e de parte da lenha existente no local, cerca de 100 sacas de café tinham sido queimadas. Essas foram as primeiras informações obtidas pela imprensa, que depois foram naturalmente atualizadas. Assista o vídeo do incêndio assustador.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!