Vereador-pastor se julgando acima da lei tenta fazer culto na rua e é detido - Colatina News

Recentes

03/05/2020

Vereador-pastor se julgando acima da lei tenta fazer culto na rua e é detido

Vereador-pastor se julga acima da lei e vai parar na delegacia

Foi detido na manhã de sexta-feira, 01, o vereador Marcos Vinicius (DEM), de Divinópolis/MG, por organizar um Drive Culto no Bairro Belvedere, sem autorização. O evento, que aconteceria no Parque de Exposições, foi impedido pela falta do documento e o vereador decidiu montar a estrutura na rua.

Marcos Vinicius, que além de vereador é pastor evangélico, resolveu peitar o Decreto, e se julgando o todo poderoso, foi para a rua provocar aglomeração. A polícia foi acionada pela fiscalização do Município e ele, juntamente com o dono do caminhão, foram levados para a Delegacia de Polícia da cidade.

Chegando ao local, os policiais e fiscais da Vigilância Sanitária encontraram um palanque improvisado na carroceria de um caminhão, no qual estava instalada aparelhagem sonora, microfones e seis pessoas em cima do veículo. Parte do público estava dentro do carro e os demais aglomerados no meio da rua.


O evento não estava amparado pelo alvará, e mesmo que estivesse, contrariava o Decreto Municipal em vigor, que proíbe eventos de qualquer natureza em razão da pandemia do Coronavírus. O veículo e o som foram apreendidos e o vereador e o dono do caminhão levados para a delegacia.

Os dois foram ouvidos e indiciados pelo crime previsto no artigo 268 do Código Penal Brasileiro, que trata como crime infringir determinação do poder público destinada a impedir a introdução ou propagação de doença contagiosa. Em seguida assinaram o Termo Circunstanciado e foram liberados pelo delegado.

Em nota a prefeitura municipal de Divinópolis explicou o acontecimento: “Diante da situação que descumpria decreto vigente e caracterizava aglomeração, foi acionado o apoio da Polícia Militar e lavrado auto de infração. A polícia fez o seu trabalho realizando a apreensão do equipamento de som e da carreta”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!