Polícia descobre dois anos depois que mulher matou e ocultou cadáver do marido - Colatina News

Recentes

30/08/2020

Polícia descobre dois anos depois que mulher matou e ocultou cadáver do marido

Joel foi morto por Kátia...

Dois anos depois a Polícia Civil descobre que Kátia Soares Pereira Teles, 38 anos, foi a autora do homicídio que vitimou seu marido Joel de Souza Teles, morto em maio de 2018, em Goiânia/GO. Na sexta-feira, 28, ela foi denunciada pelo Ministério Público de Goiás, por homicídio e ocultação de cadáver.

Segundo a denúncia recebida pelo juiz Jesseir Coelho de Alcântara, Kátia matou e enterrou o marido no quintal de sua casa. O trabalho quase perfeito só foi descoberto mais de dois anos depois. Ao receber a denúncia do Ministério Público, o juiz deu um prazo de 10 dias para Katia apresentar defesa.

Os advogados da assassina disseram que ela agiu em legítima defesa, pois sofria violência física e psicológica há anos, e que as filhas do casal também eram agredidas. Afirmaram, ainda, que no dia do crime, Kátia foi brutalmente agredida e ameaçada. Por isso o matou temendo por sua vida e de suas filhas.

...e seu corpo foi enterrado no quintal
Por ter agido com a ajuda de um indivíduo ainda não identificado, Kátia foi denunciada por homicídio qualificado e ocultação de cadáver, tendo ela imobilizado e amarrado a boca, pernas e mãos do marido para trás. Em seguida ela o atingiu com vários golpes na cabeça, e várias facadas no peito.

O relacionamento conturbado do casal durou 18 anos com histórico de comportamento agressivo por parte de Joel, segundo informações obtidas pela polícia durante a investigação. Na residência viviam as duas filhas menores e uma terceira filha apenas de Kátia, que não estavam no momento do crime.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!