Médica vibra ao entubar dois pacientes e diz que pedirá música ao fantástico no terceiro - Colatina News

Recentes

google.com, pub-2151647549971277, DIRECT, f08c47fec0942fa0

27/01/2021

Médica vibra ao entubar dois pacientes e diz que pedirá música ao fantástico no terceiro

Leanara teve a formatura antecipada por causa da pandemia

Mais uma vez a vida humana é desrespeitada e vira chacota por parte de profissional da área de saúde. Agora o desrespeito partiu da médica Leanara Amaro Rocha, de Guajá-Mirim/RO, que ao entubar dois pacientes com Covid-19, disse que com mais  poderia pedir música ao Fantástico. A postagem no Instagram causou revolta geral. 

 

A médica, cuja formatura foi antecipada em maio de 2020 em virtude da necessidade de profissionais por causa da pandemia, fez uma postagem dizendo que no mesmo plantão havia entubado dois pacientes. E na sequência escreveu: “kakakakaka. Mais um e eu peço música ao fantástico”. Ao comentário ela acrescentou u emoji de risada. 

 

Em virtude da repercussão negativa de sua postagem, a médica divulgou uma carta aberta pedindo desculpas à população. O  vereador Rivan Eguez (PV), informou que tomou as providências que o caso requer, ao levar o caso às autoridades, pedindo que a médica irresponsável seja rigorosamente punida pelo seus desrespeito ao cidadão. 

 

Enfermeira Nathana foi despedida por debochar da vacina

O cidadão Aldo Fernandes Quedevez, afirmou que a médica Leanara tem que ser punida rigorosamente, para servir de exemplo e evitar que outros profissionais ajam da mesma forma. “Na realidade nem médica essa senhora é. Ela se beneficiou dessa decisão irresponsável e impensada de antecipar formatura de médicos e deu nisso”. 

 

Outro caso aconteceu no Espírito Santo, onde a enfermeira Nathana Faria Barbosa Ceschin, da Santa Casa de Misericórdia de Vitória, em total desrespeito aos famíliares de milhares de mortos pela doença, fez chacota com a vacina Coronavac, dizendo que tomou água e não vacina. Ela foi despedida e deverá perder o registo no Coren. 

 

Em nota, a Prefeitura Municipal de Guajá-Mirim disse que “diante do acontecido já tomamos todas as medidas cabíveis que estavam ao nosso alcance e dentro da competência do Município. E continuaremos tomando todas as providências para que fatos com este não entrem em uma estatística”. A médica fez nota pedindo desculpas. 

  

Aqui o acidente é fatal e não a vítima, bandido não é tratado como suspeito, distrito não é chamado de vila e a notícia é divulgada nua e crua, sem medo. Baixe o App e tenha as notícias na palma de sua mão. É só clicar aqui!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!

Baixe nosso aplicativo!

Baixe nosso aplicativo!
Aqui o acidente é fatal e não a vítima, bandido não é tratado como suspeito, distrito não é chamado de vila e a notícia é divulgada nua e crua, sem medo. Baixe o App e tenha as notícias na palma de sua mão. Para baixar nosso aplicativo clic na imagem!