Povo pressiona e vereadores são afastados liminarmente pela justiça gabrielense - Colatina News

Recentes

27/11/2019

Povo pressiona e vereadores são afastados liminarmente pela justiça gabrielense

Manifestantes movimentaram São Gabriel da Palha na terça-feira

O povo unido consegue mais um resultado positivo contra políticos. Dessa vez a vitória foi conquistada em São Gabriel da Palha, no Noroeste do Espírito Santo, onde manifestantes liderados pelo ativista Jonas da Silva Soprani conseguiram o afastamento liminar de dois vereadores envolvidos em corrupção.

Os vereadores Tiago dos Santos e Wagner Lucas dos Santos, o Waguinho da Saúde, foram afastados liminarmente na terça-feira, 26, pelo juiz Paulo Moises de Souza Gagno, que ainda decretou a indisponibilidade dos bens dos afastados até o valor de R$ 142.400, conforme processo nº 0003140-44.2019.8.08.0045.


Os dois vereadores já tinham sido afastados de seus cargos no dia 08 de novembro em virtude da instauração de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar denúncia do Ministério Público de que eles estavam envolvidos em casos de tráfico de influência e corrupção, mas retornaram.

E foi justamente contra o retorno dos dois políticos denunciados que a população se uniu e foi para a porta da Câmara Municipal fazer pressão, o que acabou culminando no afastamento liminar dos políticos. Vale destacar que Tiago dos Santos era presidente da Câmara Municipal de São Gabriel da Palha.

Camisetas utilizadas pelos manifestantes gabrielenses
De acordo com a denúncia do Ministério Público, Tiago Santos e Waguinho da Saúde pediram em 2018 R$ 10 mil a um empresário do Município para influenciar a prefeita Lucélia Ferreira, a Céia, a contratar sua empresa para a realização da festa da cidade. O fato foi denunciado ao MP anonimamente.

Jonas Soprani, que foi cumprimentado da tribuna pelo vereador Tiago Rocha e aplaudido pelos presentes, disse que o afastamento dos vereadores pela justiça é mais uma vitória do povo contra a corrupção. “É nosso dever lutar contra os políticos que abusam do patrimônio público”, disse o ativista Jonas Soprani.




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!