Animais são envenenados em Pancas e CPI dos Maus Tratos cobra apuração - Colatina News

Recentes

24/04/2020

Animais são envenenados em Pancas e CPI dos Maus Tratos cobra apuração

Comunidade de Lajinha revoltada com a matança de animais

O Município de Pancas, no Noroeste do Espírito Santo, se torna mais uma vez destaque negativo em todo país. Desta vez o motivo é a extinção de cães e gatos ocorrida na cidade, o que gerou revolta em protetores de animais e moradores da comunidade de Lajinha de Pancas, onde ocorreu a matança.

Os moradores acreditam que os quatros cachorros e um gato que apareceram mortos foram envenenados de forma criminosa, fato que já ocorreu na localidade em 2018 e os responsáveis não foram descobertos. O morador Carlos Alberto está indignado com o acontecimento e quer providências.

“Alguma coisa de errado está acontecendo em Pancas. Quando não é vereador usando carro da Câmara fora de expediente, prefeito fazendo contrato milionário pra inglês ver, é psicopata matando animais que não fazem mal a ninguém. É preciso uma resposta imediata a isso”, disse Carlos Alberto.

Ao todo foram encontrados 13 animais envenenados, dos quais quatro cachorros e um gato morreram e o restante foi salvo graças aos esforços de protetores de animais. A suspeita é de que os animais estão sendo envenenados por chumbinho ou veneno de uso em plantação de bananas.

CPI dos Maus Tratos quer apuração rigorosa

Ao lado dos cães mortos nas proximidades do campo de futebol foi encontrada uma carcaça de carne com veneno. Naquele mesmo local em 2018 também foram encontrados sete cachorros mortos. “Se a polícia se interessasse o criminoso já estaria preso, mas não está nem aí”, afirma Carlos Alberto.

Ele acrescenta que o irresponsável que gosta de matar animais por envenenamento mora naquela localidade. “A gente nota que a polícia não tem interesse em apurar o caso. Se quisesse esse maldito matador de animais já estaria atrás das grades. Infelizmente não vejo interesse em apurar esse caso”.

O envenenamento dos animais virou comentário geral na pacata comunidade e a revolta é geral. “Como pode uma pessoa ser tão insensível? Esses animais não trazem nenhum problema para a gente. É muita maldade. Uma pessoa dessa não pode ser filha de Deus. É muita crueldade”, desabafa Patrícia Mara.

Na quinta-feira, 23, a CPI dos Maus-Tratos Contra os Animais, da Assembleia Legislativa Capixaba, presidida pela deputada Janete Sá (PMN), enviou ofício à Polícia Civil de Pancas pedindo rigor na investigação do envenenamento dos animais, para que o responsável seja identificado e preso pelo grave crime.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!