Meneguelli critica protesto de comerciantes e diz que a ignorância reina na cidade - Colatina News

Recentes

16/06/2020

Meneguelli critica protesto de comerciantes e diz que a ignorância reina na cidade

Comerciantes usaram um caixão para simbolizar a morte do comércio

Comerciantes de Colatina, no Noroeste do Espírito Santo, fizeram um protesto na porta da Câmara Municipal contra o Decreto Municipal assinado por Sérgio Meneguelli, que obriga o comércio local a funcionar em dias alternados, o que, segundo os participantes do movimento, traz grandes prejuízos para a classe.

De acordo com os comerciantes, a abertura dia sim, dia não, é muito prejudicial para a classe e pode provocar uma crise sem precedentes num futuro próximo. “Esse Decreto é ditatorial e só serve para desestruturar o comércio local, que tem atuado com cuidado durante a pandemia”, disse um comerciante revoltado.

“A atitude desse prefeito vai contra toda a lógica, além de ser extremamente antidemocrático. Nós temos direito de trabalhar e atender à população. Já está mais que provado que essas medidas extremistas não funcionam e só servem para piorar ainda mais a situação econômica nos municípios”, disse Afrânio.

Durante o protesto, os comerciantes afirmaram que milhares de pessoas vão morrer de fome e de depressão, e salientaram que preferem morrer de doença, a morrer de fome, pois “a fome mata a cada dia, a cada momento”. O protesto dos comerciantes recebeu a solidariedade  e o apoio das pessoas presentes.

“Acho isso um absurdo. Os comerciantes têm compromissos com alugueis, encargos sociais, pagamento de funcionários, impostos etc. A determinação de fechamento de lojas e demais estabelecimentos comerciais da cidade é uma ditadura disfarçada. Esse prefeito sem noção está louco. Perdeu a noção”.

O comentário é da tecnóloga em laticínios Marinete Venâncio Arruda. Ela acrescenta, que a incapacidade do prefeito Sérgio Meneguelli para enfrentar situações complexas é deplorável. “É um prefeito que em quase quatro anos de governo nada fez pelo Município. Um administrador totalmente incompetente”.


Sérgio Meneguelli disse que os comerciantes estão perdendo tempo ao fazer protestos, pois o Decreto que está em vigor em Colatina é do governador do Estado, e se o prefeito descumprir sofrerá penalidade. Ele afirma que os comerciantes estão “dizendo besteiras, bobagens” e que são ignorantes.

“Eles têm que entender que o prefeito tem limites. Se eu liberasse amanhã para eles abrirem, eu estaria cometendo um crime. Seria responsabilizado, pois tem um decreto do governador. Existe um Decreto superior, que o prefeito, nesse momento, é obrigado a obedecer, agrade ou não os comerciantes”.

“Só um Flávio Zangoto mesmo, ou qualquer outro desesperado para falar essa besteira e ofender a gente. Essas pessoas só veem cifrões na frente. Lamento que representantes de entidades participem de um protesto daqueles, que mostra o quanto a ignorância reina em nossa cidade”, disse o prefeito.

Sérgio Meneguelli enfatiza que está apenas cumprindo a lei, e que não é meia dúzia de comerciantes que mudará sua cabeça. Afirma, ainda, o prefeito, em relação ao protesto dos comerciantes colatinenses, que “prefere ser taxado de ditador por um ignorante, que desrespeitar a lei perante as pessoas sérias”,

“Se nem o presidente pode intervir num Decreto do governador, não será eu que terei esse poder”, se defende Sérgio Meneguelli, que é rebatido por um advogado, ao afirmar que assim como o presidente não pode intervir num Decreto do governador, este também não pode intervir num Decreto Municipal.

“A afirmação do prefeito Sérgio Meneguelli é equivocada e demonstra sua má vontade em relação aos comerciantes colatinenses, pois recentemente o STF (Supremo Tribunal Federal) reconheceu que tanto os estados, como os municípios têm autonomia para edição de decretos”, salientou o advogado.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!