Cooperativas de transporte fazem carreata nesta sexta-feira em busca de apoio - Colatina News

Recentes

06/08/2020

Cooperativas de transporte fazem carreata nesta sexta-feira em busca de apoio

Cooperativas amargam prejuízos de R$ 8 milhões

Cerca de 15 cooperativas capixabas que atuam no transporte escolar de estudantes das redes estadual e municipal farão uma carreata nesta sexta-feira, 07, para reivindicar o apoio do Poder Público durante o período de pandemia. A concentração será às 10h30m, na via lateral da BR 101, sentido Cariacica/Serra.

O ponto de referência é o Posto Serramar, na Serra e, de acordo com a programação, a carreata terá início às 11h e passará pelos municípios da Serra, Vitória e Vila Velha. Os organizadores da manifestação esperam que pelo menos 150 veículos, que perfaz 10% da frota, participem do evento reivindicatório.

O objetivo do movimento é cobrar do Poder Público ações para reduzir os efeitos da pandemia para os profissionais do transporte, já que desde março, com o início do período de isolamento social, as aulas presenciais foram suspensas e, em consequência, também a suspensão dos contratos de transporte escolar.


Em virtude disso, 1.571 cooperados e 254 trabalhadores que atuam nessas cooperativas, e que faziam o transporte diário de 77 mil alunos em 34 municípios, tiveram sua fonte de renda impactada. O que os manifestantes querem são iniciativas para minimizarem as perdas dos cooperados e trabalhadores.

“A nossa manifestação, vale frisar, não cobra o retorno das aulas, uma vez que essa decisão será tomada no momento certo pelos órgãos competentes, de modo a garantir que a volta das atividades ocorra de maneira segura e com os procedimentos necessários”, destaca a organização do movimento.

Destacam, ainda, os dirigentes de cooperativas, que o impacto tem gerado um momento crítico, de angústias e incertezas, além de afetar também as esferas psicológicas e emocionais tanto dos cooperados, quanto de suas famílias. Desde o início do isolamento social em março, os prejuízos já superam os R$ 8 milhões.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!