Ex-vereadores terão que devolver mais de R$ 400 mil em Governador Lindenberg - Colatina News

Recentes

18/08/2020

Ex-vereadores terão que devolver mais de R$ 400 mil em Governador Lindenberg

Genivaldo Piona era presidente da Câmara na época

Vários ex-vereadores terão que devolver aos cofres públicos valores recebidos indevidamente durante o que passou a ser chamado de a farra das diárias na Câmara Municipal de Governador Lindenberg, no Norte do Espírito Santo. A decisão é do TCEES (Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo).

Dentre os envolvidos alguns são possíveis pré-candidatos nas próximas eleições. Dos que terão que ressarcir os cofres públicos por recebimento indevido de diárias em 2010, apenas Joneci Inácio de Oliveira e Ângela Maria Altoé Montozo têm mandatos de vereador e vice-prefeita, respectivamente.

Os valores a serem devolvidos se aproximam de R$ 400 mil, sem a devida multa e correção monetária, o que ao serem aplicadas deverão aumentar ainda mais a quantia a ser devolvida. O Acórdão foi divulgado na Sessão de 25/04/2018, mas até hoje, segundo informações, não houve ressarcimento ao Município.

Joneci é um dos que participaram da farra das diárias
Conforme o Acórdão, foram condenados a ressarcir ao erário as diárias recebidas sem comprovação de interesse público os Srs. Genivaldo Piona (na época presidente da Câmara), Leocir Felhberg, Luiz Marcos Perini Fiorot, Paulo Roberto Lubiana, Sandra Paulo Passamai, Maria Cleides Vicoza Coradini Grassi, Aline da Vitória Cardoso, Allan Antônio Sarnaglia, Ângela Maria Altoé Montozo (atual vice-prefeita), Graziele Marques Finco, Jorielson Alencastro Morello, Douglas Morello, Wesley Correa Carvalho e Joneci Inácio de Oliveira.

Foi anda aplicada multa a Genivaldo Piona no valor de 3.000,00 VTRE em virtude de suas responsabilidades como presidente da Câmara. Além disso, se os demais condenados não ressarcirem aos cofres públicos, ele terá que restituir, solidariamente, os valores não restituídos pelos demais condenados.
Relação dos que fizeram farra com dinheiro público



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!