Empresário manda matar sargento do Exército que mantinha caso com sua mulher - Colatina News

Recentes

google.com, pub-2151647549971277, DIRECT, f08c47fec0942fa0

22/09/2021

Empresário manda matar sargento do Exército que mantinha caso com sua mulher

Jordana traia o marido com o sargento Lucas

O dono da Rede de Supermercados Vitória, Joabson Agostinho Gomes, está sendo procurado pela polícia por ter mandado assassinar o sargento do Exército, Lucas Ramon Silva Guimarães, 29 anos, que mantinha um relacionamento amoroso com sua mulher. O crime ocorreu no dia primeiro de setembro último.

 

O sargento foi executado com três tiros na cabeça por um indivíduo, que segundo a polícia, foi contratado por Joabson para mata-lo. Também está sendo procurada a mulher de Joabson, a empresária Jordana Azevedo Freire, porque sabia que a vítima morreria e nada fez para evitar a consumação do crime.

 

O casal está foragido desde a noite de segunda-feira, 20, depois de terem recebido informações vazadas sobre a operação que ocorreria na terça-feira, 21, com o cumprimento de mandado de prisão dos dois. Jordana não só mantinha um caso extraconjugal com Lucas, como também desviava dinheiro da empresa.

 

Lucas também era casado e foi morto no trabalho

Segundo a delegada Marna de Miranda, Joabson descobriu que Jordana além de traí-lo, dava parte do dinheiro do supermercado para o amante. Ele até chegou a confrontar o militar, que decidiu devolver R$ 200 mil ao empresário. “Inclusive temos fotos de um funcionário pegando o dinheiro”, disse a delegada.

 

A médica Elza Gonçalves, mulher do sargento assassinado, confirmou aos policiais que por várias vezes viu o marido com grandes quantidades de dinheiro em envelopes com a logo do supermercado. Conta a delegada, que ao descobrir a traição por parte de Jordana, seu marido chegou a agredi-la fisicamente.

 

Mesmo assim, ainda segundo a delegada, o casal de empresários seguiu o casamento como se nada tivesse acontecido, e inclusive fugiram juntos, já que Jordana é acusada de envolvimento no assassinato do sargento, porque sabia que ele seria executado e se manteve em silêncio, deixando o crime acontecer.

 

Siga-nos no Instagram: @colatinanews, e no Facebook: @sitecolatinanews!

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Baixe nosso aplicativo!

Baixe nosso aplicativo!
Aqui o acidente é fatal e não a vítima, bandido não é tratado como suspeito, distrito não é chamado de vila e a notícia é divulgada nua e crua, sem medo. Baixe o App e tenha as notícias na palma de sua mão. Para baixar nosso aplicativo clic na imagem!