PRB de Pancas pede cassação de registro de Sidiclei e Guima e MPE dá parecer favorável - Colatina News

Recentes

19/10/2020

PRB de Pancas pede cassação de registro de Sidiclei e Guima e MPE dá parecer favorável

Sidiclei e Guima poderão ter registros de candidaturas cassados

A Comissão Provisória do PRB (Partido Republicano Brasileiro), de Pancas, no Noroeste do Espírito Santo, protocolou uma Representação na Justiça Eleitoral contra o prefeito Sidiclei Giles de Andrade, na qual pede sua inelegibilidade e a cassação de seu registro de candidatura ou do diploma, caso seja eleito.

 

Na Ação de Improbidade Administrativa, Sidiclei, que é candidato à reeleição, é acusado de ter praticado propaganda extemporânea, além de abusos econômico e político, ao utilizar páginas oficiais para se autopromover nas redes sociais e desequilibrar a campanha eleitoral, causando prejuízos aos demais candidatos.

 

O promotor eleitoral Antônio Carlos Gomes da Silva Júnior deu parecer favorável à procedência da ação contra Sidiclei e lembrou que ele descumpriu totalmente uma notificação recomendatória, que recomendava a retirada das propagandas, uma vez que tal prática não era permitida pela legislação eleitoral vigente.

 

Várias vezes Sidiclei se valeu de divulgação de vídeos, fotos etc nas redes sociais se autopromovendo. Muitas dessas manifestações foram denunciadas ao Colatina News, que as divulgou. Recentemente foi divulgado um vídeo em que ele acompanhava um calçamento e fazia campanha política descarada.

 

Em parecer, o Ministério Público Eleitoral se manifestou pela procedência dos pedidos, afim de que seja aplicada a sanção de inelegibilidade a Sidiclei e Guima por oito anos a partir da eleição em que ocorreu o abuso, bem como a cassação dos registros ou diplomas dos candidatos beneficiados com o ato ilícito.

  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receba nossas noticias!